quinta-feira, 24 de junho de 2010

A P.D.L.


Ele há cada síndroma! Ele é o S.P.M. ( síndroma pré-menstrual, para quem não sabe), ele é o P.D.F. ( todos sabem o que é), ele é o S.P. P. ( depressão pós parto). Ora eu acabo de descobrir um novo síndroma. Chama-se P.P.L. ( Preguiça pós limpeza grande).
É assim. Poderia dizer que estou cansada, fraca, sem vontade de escrever, sem inspiração. Mentia. Tudo isto não me impediu de ler, ver filmes etc. É mesmo preguiça da brava. Dá-me gozo depois da trabalheira toda, sentar-me e não fazer nada. Ver tudo limpinho, fresco, arrumado, olhar os meus livros, ver o filme “Ensaio sobre a cegueira”, ler o livro, e ficar a pensar qual gostei mais. Ainda não resolvi. Acho que Fernando Meirelles, leu o livro com os meus olhos, tão fiel é ao livro. Aliás é costume dele. Ou existe entre nós uma grande empatia. Arrepiam-me os filmes deste homem. São tão reais, tão bem feitos. De Saramago não sei dizer o que sinto. Amo alguns dos seus livros, abomino outros. Porquê? Sei lá porquê.
Era-me pouco simpático como pessoa, mas isso nunca me impediu de ser imparcial ao ler um livro. Acho que preciso de o ler mais, e é o que vou fazer. A preguiça ainda dura, mas não me impede de ler. Para isso nunca tenho preguiça, nem falta de tempo.
Depois deste arrazoado (ou será desarroado?) todo. Em que tentei explicar a minha ausência, despeço-me como sempre, com a frase do costume: Até um dia destes.

13 comentários:

Zé do Cão disse...

Minha amiga, saúde, como vai?

Eu também sofro muito desse sindroma.
perguiça

beijocas

Maria disse...

Vou andando, amigo Zé. Tirando a preguiça tudo bem.
Beijinhos
Maria

Laura disse...

Maria, as fotos a que me referia, estão no post anterior..são do encontro dos GTinhos em Tabuaço...vai lá se faz favor..Beijinhos

Laura disse...

Querida Maria, ahhhh, já lá vai o tempo em que me rompia toda para por o ninho a brilhar, cheguei a tomar comprimidos para as dores dos braços tanto eles me doíam. e a partir de um certo tempo comecei a ver que não valia a pena. A casa anda limpa e limpezas a fundo costumam ir para a lista de espera, não é só nos hospitais que isso acontece, aqui em casa também!
Quando sei que os meus amigos vêm cá, ah, desfaço-me a por tudo mais ou menos...Acontece que não é só na casa é em tanta coisa, mas, saio mais, passo menos tempo em casa (de dia) e tento viver melhor...

Ler, agora leio pouco, ver tv também. Já pintei mais um quadro e já se foi também. Vou começar uma aurora boeral, daqui a dias depois de o Nuno ir.
Agora vamos à minha mãe, levo sardinhas pimentos ela cose batats, e passamos lá umas horinhas...
Beijinho a ti e tem um dia bom em paz, alegria e amor..laura

Maria disse...

Querida Laurinha
Vai comer as tuas sardinhas, lamber a tua cria e ver a tua mãe.
Já fui ao banco tratar de dinheiro, coisa que abomino. Fico com a cabeça feita num oito com aplicações, juros e outras coisas que tais. Maldito dinheiro! Faz falta, mas é um nojo. Antes limpar a casa.
Vou acabar de ler um livro do Saramago e gramar o ruído do jogo.
Um dia bem passado nina.
Beijinhos para ti e para o borracho.
Maria

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Maria,

Deve ser um vírus que anda por aí porque também sinto uma coisa parecida mas o meu chama-se P.D.L.G.(Preguiça da Limpeza Grande)...
A propósito, não conheço o significado do P.D.F.... mas conheço o P.D.I., se calhar são parecidos.... (o I significa a idade).
As costas já não me permitem grande coisa. O meu corpo, os pratos e as roupas estão limpas, o resto, deixo para a minha empregada fazer e durante as férias dela, o pó nos móveis vai ficando com camadas mais altas mas assim não me incomoda, as alergias só arrebitam quando mexo nele. Estás a ver, falo com o pó, digo-lhe para ficar sossegadinho que eu não vou incomodá-lo.

Contrariamente a ti, vou ver a bola ! Deixarei o meu vício de lado para apoiar o povo que tão bem me acolheu e que amo.

Beijocas, minha amiga, vou ingerir alguma força para poder soprar na minha vouvouzela....
Estou a brincar, não tenho e confesso que irritam-me um pouco mas numa festa, há sempre coisas que os outros fazem que não gostamos.
Verdinha

Laura disse...

ah, meninas Maria e Verdinha, agora tenho de ir procurar o significado de Vouvouzela, vá lá, expliquem aqui á miúda de Braga o que quer dizer essa palavrinha estouvada...

Já cheguei da D. Elisa e deixamos tudo arrumadinho, ela ia sornar um tico e eu vim fazer o mesmo mas na minha caminha, os rapazes foram para juntos dos amigos ver o jogo e o manel tá aqui...quando passei o comando pelo jogo ainda estavam a 0-0 agora nem sei..que ganhe o melhor...
Beijinho para as duas..preparem-se para setembro..laura

Andre Moa disse...

Sou alérgico às siglas.
Não atino numa. Chiça!
Tu preguiçosa? Não digas!
Eu sou a própria preguiça.

P'ra ler não sou preguiçoso.
Em especial Saramago.
Um escritor fabuloso,
na escrita é um mago.

Beijinhos
Ãndré Moa

Osvaldo disse...

Maria;

Também tenho que descobrir um síndroma para mim...

Eu sei que tenho o do S.C.P., mas tem andado tão fraco que quase não faz efeito adrenalídico. Mas, como estamos em tempos de futebóis, talvez a Seleção seja o síndroma ideal para a época.

bjs, Maria e abraços para os homens.
Anita e Osvaldo

Maria disse...

Querida Verdinha
Limpar o pó é um dos trabalhos que mais gosto. Devo ser maluca porque toda a gente detesta. Dá-me gozo mexer nos meus inúmeros caquinhos, livros, discos mudá-los de lugar, tirar algumas coisas e pôr outras.
O resto faz a empregada. Lavar janelas, cortinas, carpetes, encerar, limpar paredes etc. Ela faz e eu fico estafada de a ver trabalhar.
Quanto aos jogos, tenho dores de cabeça só do barulho, que me fica a soar dentro dos ouvidos, durante horas.
Claro que gostava que Portugal ganhasse. Ao menos era alguma coisa faziamos bem.
Beijinhos
Maria

Maria disse...

André

Eu sou por norma mexida
Mas gosto de preguiçar
E troco tudo na vida
Para um livro devorar.

Já é vicio muito antigo
Dele não me quero livrar.
E sabes o que te digo?
Por livros troco o jantar.

Beijinho
Maria

Maria disse...

Osvaldo
Estou a ficar surda por causa do barulho da bola. São as vuvuzelas, são as buzinas dos carros, é o dono a berrar com os golos e a dar táticas aos jogadores, é o cão a ladrar por causa de tanto barulho. E eu a querer ler, a cabeça a doer e os ouvidos a vibrar. É a única coisa em mim que vibra com o futebol.
Abraço do João que está a dormir, para logo ver mais bola, beijinhos para a Anita e para ti.
Maria

Andre Moa disse...

Cara Maria

Ler é um bom alimento,
mas não é um bom jantar.
É um óptimo sustento
mas não dá para engordar.

Apenas sustenta a alma
e deve ser devorado
com ânimo e muita calma
depois do caldo entornado.Beijinhos
André Moa