terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Até um dia destes

Vou encostar a porta de mansinho, parar por algum tempo.
Vou voltar, prometo, mas não sei quando.
Como se costuma dizer, não tenho dia, nem mês marcado. Pode ser daqui por quinze dias, um mês, não sei.
Razões de saúde, a isso me levam.
Continuarei a vir aos vossos blogs, farei comentários, lerei os mails.
Não quero perder-vos, daí esta curta explicação. A Maria continua aqui, mas está doente. Logo que esteja bem, volto. É uma promessa.
Por isso, abraços grandes e beijinhos para todos e...
Até um dia destes.

90 comentários:

Liliana disse...

Que sejam rápidas as melhoras, Maria. Um beijinho

O Bicho disse...

É altura certa para usar um lugar comum e dizer: «À volta cá te espero!»

Alfredo M B Caiano Silvestre disse...

Cara Maria,

Espero, sinceramente, que seja rápida a tua melhora.

Um beijo grande.

Zé do Cão disse...

Mas...Maria... que desinteresse é este.
Maleitas grandes? Em que posso ajudar?


Jinhos minha amiga

Paula Raposo disse...

As tuas melhoras, Maria. Cá te esperamos.
Beijinhos.

Laura disse...

Ai, ai, encostar a porta não resolve nada, encostar a porta leva-te embora é o que é!

Continuo a amar-te
a sentir por ti
admiração
como quando te vi
com a flor de linho
pela mão!

Gostei do nosso abraço
emotivo, sincero
e agora por ti espero
dia a dia
e em silêncio sentirás
a tua flor d elinho
junto de ti
e no teu coração lerás
o quanto eu gosto de ti!

Não vou abandonar-te
não vou deixar-te por aí
vou antes
esperar por ti
e quando chegar a noite
estarei aí
de chávena na mão
e na outra
o coração!

Amo-te Maria, melhora rápido, é tudod este mês, deste tempo maluco, destas energias que volteiam por aí, baixas, impuras, precisamos todos de levar uma boa varridela do espaço, para limpar tudo..Beijinho e abraço apertadinho, da, flor de linho...

Osvaldo disse...

Maria;

Bom descanso e procura te restabelecer, porque a saúde, essa, só temos uma, não é?

Nós cá estaremos à tua espera e sempre com pensamento positivo para que tudo se passe bem.
bjs e braços para o João e Vasco.
da Ana e Osvaldo

Kim disse...

Eu entendo Maria!
Apenas te lembro que te recordes sempre do exemplo do Moa.
Vais dar a volta por cima, mas tens de ajudar.
Um grande beijinho à Petite Marie!

F.G.S. disse...

Querida amiga Maria!
Espero que seja breve a sua volta! Não lhe tenho escrito mas tou sempre atento!
Um beijinho e as rápidas melhoras!

Maria disse...

Para todos

Eu vou voltar! Juro, prometo, garanto.
Neste momento, não dá.
Não estou bem, nem física nem moralmente. Além de que, com tantos exames, o tempo escasseia.
Beijos
Maria

Vou tentar responder a todos.

Maria disse...

Liliana
Obrigada e beijinhos
Maria

Maria disse...

Bicho
Podes esperar, que volto. Prometo, (ou ameaço?)
Beijos
Maria

Maria disse...

Caro Alfredo
Não sei o tempo que vai levar. Há muita coisa a investigar e, vai levar um tempo.
Foi bom ter notícias tuas.
Beijo grande
Maria

Maria disse...


Não é desinteresse, é maleita e da grande, mas não vai vencer-me.
Eu vou voltar.
Ajudas continuando a contar as tuas histórias, que me deliciam.
Beijo amigo
Maria

Maria disse...

Paulinha
Obrigada. As melhoras não devem ser rápidas, mas hão-de vir. Depois volto
Beijinho
Maria

Maria disse...

Flor de Linho

Não vou fechar, socega. Daqui a um tempo, voltarei de novo, cheia de forças e ideias. Agora não dá. Estou muito fraca, muito nervosa, as dores levam o tempo a moer-me.
Mas tudo passará, espero.
Entretanto, continuarei a visitat-te a ti e aos outros, sempre que possa.
Obrigada pelo poema.
Beijinhos
Maria

Maria disse...

Osvaldo

Vou tratar-me, sim. O principal é descobrir o que se passa.
Logo que esteja melhor, volto.
Abraços do João e do Vasco e beijinhos para a Anita e para ti
Maria

Maria disse...

Kim

Em quem pensas, que tenho pensado, todos estes dias? no Moa, claro.
É esse pensamento, a leitura do livro dele e do blog dele, o seu rosto no teu filme.
Ele, com os sumos dele e água da fonte da Moa, eu com uma dieta de bebé (tudo moído e passado) e a certeza de voltar a beber um copinho de vinho de tomar, ver correr o meu rio, respirar o ar que respirei ao nascer, vamos vencer tudo. Não vou cruzar os braços.
Sempre que possa dou notícias e, como dizem os brasileiros: "Me esperem".
Beijinhos

Maria disse...

F.G.S.
Obrigada, meu amigo desconhecido.
Eu volto, prometo.
Beijinho
Maria

Laura disse...

Maria, doce Maria, Poeta, escritora, versejadora, cantora, eu vi-te cantar em Francês lá no almoço, e se virmos bem, só eu destoo d alingua Francesa, porque todos falam Franciúúúuúúúú´...eu não, mas, se ler quase sempre entendo, algumas palavras, não, mas muitas sim, vi isso quando estive em Paris e touluse e os cartazes da rua, traduzia quase tudo, os meus amigos bem se riam, e pensavam que alguém me dizia, mas não, era eu que lia e aventurava pelo menos parecia-me...

Ora vamos lá a ter pensamentos para o segundo encontro, mais folgado, mais tempo, mais aberto...vamos láááá... a arribar, a melhorar e a abrir a portinha de longe a longe..Beijinhos e melhora, todos gostamos de te ler e assim; todos gostamos de ti, beijinho petit Marie,adoro copiar o Kim nesta frase..laura

Caetano disse...

Cá estaremos pacientemente à sua espera Maria. Um grande beijinho e votos de boas e rápidas melhoras.

Maria disse...

Laurinha
Estou muito cansada. Amanhã, mais vinte e tal análises e uma mamografia. Estou moída, farta de dores, farta de médicos.
Hoje, vou ver se descanso um bocado.
Beijinhos nina
Maria

Maria disse...

Caetano
Obrigada pelos votos de melhoras.
De vez em quando, darei um salto ao seu blog.
Beijinho
Maria

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Maria,

Sei que vais voltar !
Primeiro porque vais melhorar com certeza ! Segundo porque a blogosfera é uma terapia. E terceiro, porque de certeza que não podes viver como deve ser sem nós os teus amigos....;-)

Cá te esperamos, querida amiga !
Se puder fazer alguma coisa, diz, está bem ?

Muitos beijinhos verdinhos verdinhos de esperança da

Verdinha

xistosa - (josé torres) disse...

Que o regresso seja triunfal, não como um triunfo, mas como a normalidade do dia a dia.
Tudo de bom.

carla mar disse...

querida, Maria:

vai correr bem. acredita :)
... nós os 4 estamos, sempre, contigo.

mil beijinhos e até já...

c
d
m
m

Maria disse...

Querida Verdinha

Logo que possa, volto. O que podes fazer por mim? Não me esqueças.
Vou responder pouquinho, porque cheguei agora mesmo depois de fazer as análises, ecografias, mamografias etc. e estou cheia de frio, cansada e com sono.
Abraço grande, minha amiga
Maria

Maria disse...

Zé Torres
Obrigada pelos desejos de melhoras.
Vamos ver no que isto vai dar.
Beijo
Maria

Maria disse...

Querida Carla

Obrigada pelos beijinhos, que retribuo em dobro.
Oito beijinhos para os Quatro.
Maria

Laura disse...

As análises fi-las eu ora uma ecografia, ora um Tac (à cabeça) ora uma ressonância, outra para as veias, outr a ver o ouvido, ao sangue aqui e ali, ufa, mas, tinha de ser, sabemos isso e não penses que já te vais para outro mundo, porque nós nem deixavamos..olhó Moa como se segura e se trata, ele coitado, quer lá saber das análises vai fazê-las, que remédio...e tu? bora lá, que remédio, ora pois! Mais um cházinho para te acalmar a cabecinha cansada de pensar..e um abraço apertadinho, laura

Laura disse...

Agora deixo um cházinho
na mesa de cabeceira
ajeito a travesseira
e deixo-te um beijinho.

Laura

Laura disse...

Fui ao Kim, e, claro, fala-se de ti, deixei lá este jornal de sábado e assim, lês aqui e lá, porque vale a pena ler, as palavras deliciosas que ele te deixou! Um must!
Beijinho meu.

__________________________________

Linda prosa que pode ser cantada, rimada, e alegrará a nossa Maria!
Maria, a petit Marie dos bloguistas preocupados, a menina mulher que tem elegância e beleza para dar e vender, a menina mulher que nos chega ao coração quando nos vê entristecer!
Olha os alcatruzes da roda, confesso que não sabia nada de alcatruzes, e pelo teu blogue levaste-me à pesquisa para aprender, e, como diz o Kim;

Às vezes, os alcatruzes da roda, que são também os da nora, mesmo quando cheios de nada, sobem e descem, enchem e despejam e continuam na inexorável caminhada do seu destino.

é isso aí, mesmo cheios de nada, eles continuam a caminhada! Sabes bem, Maria que são momentos de dores de alma, do corpo, aflições da vida, que te botaram abaixo, ora, minha querida, endireita-te, mete-te nessas latinhas que sobem e descem qual carrossel (atenção a se estão seguras ahhh!) e bota abaixo as preocupações, de cada vez que as ditas latas entrarem nas águas limpidas do rio,(ah, sente o aroma inebriante do rio com as plantas ali, o verde dos campos, os malmequeres em flor, que suavidade e que beleza!) deita fora tudo o que te aflige, e, regressa à tona d'água daquelas águas que levam pensamentos, dores, desgostos, doenças, e deixa que o rio transporte tudo para o mais longe possível!
e, sê feliz, tens ainda muitos anos para viver, para nos fazer sentir que és a mesma Maria, aquela Maria das histórias lindas, baseadas em belas recordações!
Adoro-te e amo-te Maria, sabes que sim!

Como dizer-te que; já nos chega o nosso sofrimento, para termos de sofrer as dores de terceiros. Cada um tem a sua vida, o seu caminhar, sonhos, anseios, e nós apenas devemos viver os nossos...Só nos pertence o nosso caminho, não o dos filhos, familiares, amigos, é bom que os ajudemos, podendo, mas, a vida não é aquela beleza que queremos, tem dor, muita dor!...

Abraço da laura com desejos d eum dia melhor que ontem, o sol brilha, está frio, mas no agasalho do nosso coração, podemos sentir-nos embaladas pela mansidão!

Beijinho Kim, amei este post e a quem é dedicado. Já tinha pensado em fazer um, adiantaste-te e que bom que foi assim...e entre um post e outro, vamos dando forças à Petit Marie, a mulher que canta, verseja, fala Franciú, arrima os amigos!
Bom sábado! o meu? será a começar daqui a nada, nas meninas, no riso e cumplicidade, no almoço que venho fazer a correr...só para dois, na tarde que vou passar entre amigas queridas, enfim, haja ganas de viver.
Aquele abraço desganar, amor do meu coração, amor de amigo de irmão...Beijinhos a todos. laura

mariabesuga disse...

Eu deixo aqui o meu beijo que aquele abraço espero e desejo poder (conseguir) dar-to um dia destes.

Há muito tempo que não vinha "aqui" e tenciono voltar devagarzinho. O teu foi o primeiro lugar de paragem... A vida às vezes prega umas partidazinhas e precisamos "assentar" os sentidos e encaminhar o olhar...

Beijo muito grande minha querida Maria.
O meu menino está aqui ao meu lado e pede que te mande um beijinho do "João Marsupilando"

Vou passando por aqui...

Maria Besuga Girassol

Maria disse...

Laurinha
Obrigada por tudo. Está socegada, que eu vou fazer tudo para melhorar depressa. É preciso é os senhores doutores chegarem a uma conclusão. Depois, tratamento e, lá volta a Maria de sempre.
Esta fadiga, as idas ao hospital e os exames, cansam-me muito. Deve ser a anemia e o problema do estômago. Falta fazer a endoscopia no dia 11 e depois eles que se entendam.
Beijinho minha flor.
Maria

Maria disse...

Minha Girassol
Foi a melhor coisa que me aconteceu hoje. Já julgava ter-te perdido e, quando vi o teu comentário, tive uma alegria muito grande.
Fico a aguardar o abraço.
Beijinhos para ti e para o João Marsupilando. Ele também nunca mais escreveu nada no blog dele. Adoro lê-lo.
Mais um beijo para os dois da
Maria

Laura disse...

É verdade Maria, amei evr a nina girassol, mas se não aparece, out em afazeres demais ou não dá, enfim, é com pena, gosto do que ela escreve. O Janita não mais lá foi ao blogue, também. que pena,
E tu como já deu para ver, com tanta gente aqui a gritar as melhoras, só podes mesmo é, curar-te...um abraço apertadinho d a laura

Estrela d'Alva disse...

Maria,

Desejo-te as melhoras, e que voltes rápido porque a tua pequenina...
... gosta muito de ti e está à tua espera!

Beijinhos,
Estrela d'Alva

Anónimo disse...

Maria, desejo-lhe melhoras rápidas do fundo do coração. Embora a não conheça pessoalmente, conheço-a através das coisas lindas que escreve e que são o espelho da sua alma. Que volte depressa como sinal de que se encontra mehor. Bem haja! Maria J (Marize)

Dad disse...

Querida Maria,

Faço votos que te recomponhas depressa. Força!!!

Beijinho grande,

Laura disse...

Todos te querem
todos te amam
todos desejam
que voltes depressa
que deixes de pensar
que a vida é assim
porque toda a dor
passa e toda a força
se renova
enquanto se diz que;
de hora a hora Deus melhora!...

Beijinho da flor de linho, laura

Maria disse...

Laura
A volta da minha Girassol, foi um raio de luz. Fiquei tão contente!
O abraço que um dia trocámos, é um grande elo de ligação.
Isto por enquanto, está igual.
Beijinhos minha Flor

Maria disse...

Minha pequenina
Quando tudo passar, a Maria volta em força.
Eu gosto muito de ti, minha Estrelinha, muito.
Beijinhos da
Maria

Maria disse...

Marize
Obrigada e, fique descansada. Eu volto logo que sinta força para isso.
Beijinho
Maria

Maria disse...

Dad, minha amiga

Por enquanto, as melhoras são poucas. Ainda faltam exames e, só depois de tudo feito e os médicos resolverem, o tratamento se fará como deve ser. São muitas complicações, três médicos a decidir e montes de exames a fazer e a avaliar. Depois se verá.
Logo que me sinta melhor, volto.
Obrigada pelo teu interesse.
Beijinho
Maria

Maria disse...

Laurinha querida
Obrigada pelo poema e pela tua amizade constante. É bom ter uma amiga como tu.
Beijinhos e toda a ternura da
Maria

São disse...

Venho aqui pela primeira vez, através de André MOa...e logo a encontro doente.
Resta-me desejar-lhe a recuperação total e rápida.

Bom dia.

Laura disse...

Com tanta gente a chamar
a cantar para ti
só resta aceitar
que tem gente
por aqui
que se importa contigo
que quer ser teu amigo
e ajuda a pedir por ti.

Esperamos-te rejuvenescida
de todo curada.
Sabemos que a vida
muitas vezes nos trás
de pé atrás
mas sabemos também
que quando se luta
a força que daí advém
é uma força bruta
que leva tudo na frente
como Maestro regendo a vida
pela batuta!

Um dia bom, se rodeada por todos,s erá no minimo, sinald e que te amam tanto..abraço da tua flor de linho.

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Petitamiga

Põe-te fina IMEDIATAMENTE que quero ver-te bem quando voltarmos. É uma ORDEM!!!

Isto por aqui - estamos em Puna a caminho de Damão - está óptimissimérrimíssimo!!!!!!! Não quero voltar para essas porras de Lisboa. Mas - é a fdp da vida...

Peço, ainda, às/aos Amiga/os que chegam aqui aos teus Alcatruzes que não roam as unhas - de inveja...

Qjs para tu e abs para os homes

Maria disse...

São
Não se preocupe que ainda verá muitos disparates da Maria.
Assim que possa, volto. Custa-me estar longe da escrita, mas não tenho coragem, nem tempo, para pegar nisto.
Mas volto, prometo.
Beijinho e obrigada
Maria

Maria disse...

Querida Laurinha
Qualquer dia arranjo um espaço, só para os teus poemas.
Todos têm ajudado muito e, sinto-me grata por tanta amizade e ternura.
Se depender disso, ponho-me boa num instante.
Beijinhos, amiga
Maria

Maria disse...

Henriquamigo
Se fosse eu, ficava já boa à Ordem do Chefe. Mas o malvado do corpo não obedece a nada.
Vamos a ver o que acontece no dia 12. Até lá, é aguentar a depressão, a anemia, o estômago e o resto, com a calma e serenidade possíveis.
Deixei as coisas chegarem demasiado longe. Agora, é aguentar.
Ainda bem que tudo está a correr como esperavas. Mas não te atrevas a ficar aí. Conto com a Raquel para te tirar essas ideias.
Bem. Lá vai mais uma meia dúzia de comprimidos e uma tigela de sopinha e, depois cama.
Abraços dos homes, beijinhos para a Raquel e queijinhos para tu, que tão longe te lembraste de eu
Maria

Laura disse...

Maria, Maria, parece que padecemos as duas do mesmo mal, aquela tristeza que nos envolve...

Às vezes os dias acontecem
tornam-se de cor púrpura
ou escalarte
tornam-se da cor da dor
aquele algo sem cor
indefinida
que nos martiriza a vida
nos faz imaginar
que poderia ser mais fácil
viver
mas olhando para trás
este é mais um momento
em que a vida
madrasta
só nos ensina o sofrer!...

Um abraço da tua flor de linho, na fossa, como se diz, mas, pronta a erguer as asas e a levantar voo se isso se proporcionar!...

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Maria,

Claro que não te vou esquecer ! Como é que podia ?
Vou passando por aqui de vez em quando para ter notícias tuas.

Eu já tive períodos em que estava muito fraca quando tive a mononucleose e o citomegalovirus que me deixaram de rasto.

Foi aborrecido mas não era grave. Espero que é isso que te está a acontecer.
Também, como te deixei num mail, acho eu, quando o psicológico sofre, o corpo se ressente. Sofreste em silêncio durante a doença do teu mano.
Agora, não guarda nada escondido, grita, chora, manda tudo para fora !

Muito beijinhos verdinhos da tua amiga

Verdinha

Maria disse...

Laurinha
Este tempo pardacento e frio, não ajuda nada. Hoje vou ver o meu irmão, que faz anos e felizmente, está muito melhor. Já sei que, quando voltar, estarei feita num oito, porque fico estafada até de andar de carro. O que vale, é que não é muito longe.
Por enquanto, tudo está na mesma. Devo ter as análises hoje, mas falta o raio da endoscopia, que é dia 11. Já fiz duas e, aquilo é muito chato.
Beijinhos
Maria

Maria disse...

Verdinha
Já não é a primeira vez que estou doente, mas nunca me senti como agora.Sinto-me em baixo, fisica e moralmente. Foram muitos problemas seguidos e, agora isto, que não me deixa recuperar a parte moral. Mas descansa, que de repente, volto ao normal.
Eu sei que não me esqueces, minha querida amiga.
Abraço grande
Maria

Zé do Cão disse...

Maria.

o meu mail
Sargentonoactivo"yahoo.com


se quiseres ou necessitar, estou disponível.
É sempre bom ter um amigo à mão.

Beijinhos

Laura disse...

Maria; endoscopia, ah, jurei que nunca mais ao natural; nem que tenha de esmolar, vou pedir para a anestesia, chiça, penico, chapéu de coco, dói que parece que vamos parir, apre!...beijinho da flor de linho.

Maria disse...

Zé, meu amigo

Obrigada pelo endereço e o oferecimento.
Um beijinho grande.
Maria

Maria disse...

Laurinha querida
Já fiz três, sem anestesia e esta vai ser igual. Tenho um medo desgraçado de anestesias. Prefiro a dor.
Beijinhos minha Flor.
Maria

Laura disse...

Ai Maria, Mariaaaaaaa, parecia que ia parir outro filho, apre, mas portei-me de jeito, dizia baixinho; ai, chega, chega, dóiiii tantooooo, ufa, suava por tudo quanto eram poros, ehhhhh, a médica até disse; portou-se muito bem, ai jesus, credo, nunca mais,assim não...Xiça penico medo de anestesia, essa anestesia é pouquinha só atordoa, e tudo isso para me dizerem o que eu já sabia, estava tudo bem.

Beijinhos e fica bem..laura

Je Vois la Vie en Vert disse...

Nunca fiz nenhum exame deste e não posso me pronunciar (pareço um político...) mas não tenho medo nenhum das anestesias, já tive 7 anestesias gerais e nunca tive medo porque se tivesse que morrer numa anestesia, mesmo se não me apetece morrer ainda, sempre disse que é a melhor maneira de morrer : adormecer viva e acordar morta....
Espero que te fiz rir porque o propósito é este !
Espero que te vais lembrar da minha frase quando estiveres a fazer o exame !
Já sofri muito fisicamente na minha vida e nunca faria isto sem anestesia mas não quero uma epidural. Desta é que tenho medo.

Coragem, minha querida.
Vai correr tudo bem e vais ter um resultado negativo tal qual a Laurinha.

Beijinhos

Verdinha

Maria disse...

Minhas queridas Laurinha e Verdinha
Obrigada pelo vosso amparo constante. Sinto-me acompanhada por vós e, isso ajuda-me muito.
Não deixem de me ir dando notícias.
Beijinhos, minhas amigas queridas.
Maria

Laura disse...

Esta verdinha querida
é uma moça destemida
entra toda aguerrida
e dá-nos força prá vida!

Na verdade é uma miúda
que faz algo mais
que vender figos
com candeeiros tropicais!

Lembras-te dela no filme
a dar um ar da sua graça
os candeeiros eram baixos
aquilo provocou chalaça!

Mas tem muita dor no corpo
seja aqui ou acolá
mas nunca deixa de ajudar
e a todos à dor querer poupar!

É uma miúda e peras
com aquele sorriso de encantar
trás-nos a todos debaixo da asa
para nos poder guardar!

Beijinhos querida Maria, melhora, arriba, descontrai, pensa prá frente, anda prá frente, ou antes, passa à frente como disse um grande amigo meu!...laura

Je Vois la Vie en Vert disse...

Obrigada , querida Laurinha, pelo poema que me dedicaste. Fico constrangida e emocionada.

Estamos contigo, sim, querida Maria !

Muitos Beijinhos para ambas.

Verdinha

Maria disse...

Queridas Laura e Verdinha
Estou quase sem dores, mas desejosa de fazer o exame que falta.
Tenho muito sono e continuo a comer pouquinho. Sinto-me cansada, fraca e com uma vontade doida de dormir. Deve ser da anemia e dos medicamentos.
Se me apanho de novo com forças e cabeça para pensar, ainda julgo que é mentira.
Tenho que esperar até dia 12. Depois se verá.
Esperem por mim. Eu volto, logo que possa.
Beijinhos, minhas ninas.
Maria

Laura disse...

Maria, a vontade de dormir é dof rio, do tempo que convida à sorninha, aproveita e faz como te apetece, agasalha-te, abafa-te avinha-te ou lá como é e dorme pois, estás na tua casa e estás à vontade, um beijinho repenicadinho, já vi o filme mais de 8 vezes e acabeid e o ver há pouco, linda, naquele abraço ao Moa, ah, que beleza de nina tu és...laura

Je Vois la Vie en Vert disse...

Querida Maria,

Se o teu corpo te pede repouso, tens que lhe dar e não contradizê-lo. É ele que manda nas nossas vidas !
Vá, sejas obediente !
Continuo à espera, não me vou embora, não !

Beijocas

Verdinha

Maria disse...

Ninas Laura e Verdinha
Estou uma calona perfeita. Durmo mais do que a Bela Adormecida.
Está quase a verdade à vista. Quinta e sexta, são dias de hospital. Depois, já saberei o que se passa de errado comigo e, poderei tratar-me.
Vou tomar os medicamentos, comer a sopinha e caminha.
O frio também não ajuda nada. Sol! Quero Sol! Chega de frio.
Beijinhos
Maria

Laura disse...

maria, que tal um caldinho verde na laurinha, para aquecer esses ossinhos? tem lareira, anda lá...é bom para todos, beijinhos e não vais nanar sem lá ir aquecer-te...laura

Laura disse...

ai que sou o 69, passa à frente laurinha...

Laura disse...

Tão maria, vai ou não vai? o tmepo não ajuda, xi...que chatice..Abraço apertadinho cheio de coisas boas..laura

Osvaldo disse...

Maria;

Como vais?...

Esperamos que bem.

bjs e abraços ao João, Vasco e mano.
da Anita e Osvaldo

Maria disse...

Laurinha
Fizeste-me saudades do caldo verde do Norte, com tora e broa. Se o comia!... O pior era o estômago a refilar comigo.
Na quinta já vou fazer o desgraçado do exame e, o doutor logo me dirá o que posso comer.
Beijinhos
Maria

Maria disse...

Osvaldo
Por enquanto ainda nada sei. Quinta feira vou fazer a endoscopia e, o médico dirá o que se passa.
Não me sinto pior, nem melhor. Só estou sempre cheia de sono, mal como, durmo mal e não tenho força nem vontade para nada. Penso que tenha a ver com a valente depressão e com a anemia.
Logo que saiba alguma coisa, dou notícias.
Obrigada pelo vosso cuidado. Tem-me feito bem, a ternura de todos vós.
Abraços dos homens e beijinhos para ti e Anita da
Maria

Kim disse...

Vamos lá a ser positivos.
O bom tempo vai voltar.
Saudades Petite Marie!

Laura disse...

Maria, começa a tomar umas colheres de Bicarbonato de soda, ajuda que nem sei, mandei pps a falar disso, ao grupo todo, ora vamos lá, vais arrebitar, espero que consigamos aguentar a tua pedalada depois do tratamento...Beijinho da flor de linho..laura

Maria disse...

Amigo Kim
Estou a tentar ser positiva, mas é díficil.
Foram doenças de enfiada, problemas uns atrás dos outros, chatices que acontecem com todos. Depois, como de costume, fui-me abaixo. Estou cansada, deprimida, doente.
Vou tratar-me bem.
A seguir, tentarei viver o resto da vida, sem me preocupar tanto. Começo a pensar que não vale a pena.
Beijinhos
Maria

Maria disse...

Querida Laurinha
Sabes que o meu pai tomava montes de bicarbonato? morreu com 92 anos.
Era bicarbonato para tudo. Começo a ver que ele lá tinha as suas razões. Experimentar não custa.
Beijinhos
Maria

Laura disse...

Maria, se precisas de rir vai ao resteas, as verdades fazem rir, e corar, enfim..beijinhos e ala bicarbonato para baixo, ajuda..ji da laura a tua flor de linho...

Je Vois la Vie en Vert disse...

Laurinha,

Faltou dizer a que horas se deve tonar o bicarbontao de sodio...

Beijinhos

Verdinha

Laura disse...

Querida verdinha, a ouvir a musica da Leona Lewis, Beter in time, as horas foram-se, adoro esta música e a voz dela, que tem canções no filme Avatar!...
Maria, eu via o meu avô a tomá-lo antes do almoço e à tardinha, por vezes iamos para o lameiro com as vacas, pertinho de casa e eu é que ia buscar a água no copo de metal dele, assim,achatado, água que vinha da nescente, do monte..ele misturava o bicarbonato, mexia com uma colherita que trazia na saquita e tomava e eu provava ehhhhhhh..
Beijinhos Maria e alegra-te..laura

Laura disse...

Maria, hoje é quinta feira e então?


Doce maria
Estrela de luz
no nosso caminho
menina que nos seduz
desde a alvorada do meu cantinho
não me perguntes onde te encontrei
nem como a ti cheguei
só sei que depressa de ti gostei
e eis-me aqui
a chamar por ti
a dizer-te que já chega de refilice
já chega de nos deixares a falar sózinhos
preciso de ti no meu cantinho
preciso de ti e do teu abraçinho
apertadinho!

Conta comod ecorreu o exame e, claro, espero que esteja tudo bem..laura

Laura disse...

Ah, lembrei-me que te encontrei, assim como à verdinha, no nosso Kim, e queria entrar e, nada, só depois o Kim me explicou que por ali não entraava,demorei a dar com o caminho, mas nunca mais mudei de trajecto.. e com a verdinha, meti-me com ela por causa dos apsseios de bicicleta com as amigas, eu queria ir também, enfim, duas belsisimas amigas...um xi apertadinho querendo saber das melhoras e do médico no diagnóstico. Um abraço apertadinho da laura

Laura disse...

O Bicho, desculpa, ao ler-te lembrei do retaurante que há aqui perto, em Braga, o Kát'espero...
Abraço da laura

Laura disse...

Maria atão?
Como é? nem sim, nem não?
vá lá, um esforçozinho que a tua flor de linho também quer um carinho, um miminho... e toma lá um beijinho.
Vai ao Blogue do Moa ler o que lá está, lindo, lindo, lindo, só quando leres é que ficas a saber..um xi da laura

Andre Moa disse...

Querida Maria,
só para te deixar um abraço muito, muito forte e saudoso.
Abreijos
André Moa

Maria disse...

Querida Laurinha
Na quinta feira, cheguei a casa moída do exame e nem abri o p.c.
Na sexta, fui à médica muito cedo e, passei o resto do dia, meia cá, meia lá. Ora bem. Lá vai o relatório médico:
O exame foi díficil, mas fez-se. Tenho uma hérnia no estômago e refluxo esofágico. Já estou a fazer tratamento, para ver se não dá no mesmo, que no meu irmão. O doutor, mandou-me comer poquinho, (esta até dá vontade de rir, mas é verdade) e mais vezes ao dia. Ontem a médica disse que tenho qualquer coisa no sangue, mas parece que também se resolve com tratamento. A depressão está mais ou menos na mesma, mas ela deu-me mais um comprimido. Espero que não me ponha a dormir o dia todo. Enfim! Espero que tudo se resolva. O tempo também deve ajudar, quando aquecer e houver sol. Dou-me muito mal com o Inverno.
Querida, obrigada por toda a ajuda que me tens dado. Tu e todos. É bom ter amigos como vocês.
Beijinhos e prometo voltar, logo que a cabeça entre nos eixos.
Maria

Maria disse...

Querido André
Obrigada pelo teu recado. Penso que os problemas estão em via de ser resolvidos. Com tempo e paciência, tudo irá ao sítio.
Como te sentes?
Beijinhos
Maria

Laura disse...

Bom dia querida maria!

As notícias são fresquinhas
e os males de pouca monta
mas se queres melhorar
as leis à risca, vais seguir.

Poderias começar
por beber água da fonte
aquela que vem da ribeira
da Moa, lá longe no horizonte.

Para a próxima já sabemos
que temos de a trazer
garrafões vamos encher
para a nossa Maria beber.

Acredito que faça efeito
e tão logo e tão só
leves os remédios a jeito
vais connosco pró laró.

Havemos de dançar pela rua
que batizei de Avenida Andina
é uma rua larga a da fonte
e bem comprida.

Não mais esquecerei
que foi ali que dancei
com o Moa, na maior
e como soube bem o amor.(rima ahhh)

Rodopiamos por ali
tão unidos pla amizade
soube a pouco foi o que foi
e ainda hoje ficou a saudade.

Assim, quando estiveres bem
a viagem far-se-á
pois as curvas e contracurvas
levam-nos ao lado de lá.

Temos de ir com calma
que hás-de estar fraquita
mas mal possas viajar
a gente cuida de ti ó Mariazita.

Aqui te deixo meu beijo
e o mais terno desejo
que tudo passe depressa
e regresses em beleza.

É isso aí Maria, de tudo tenho a certeza, que quando o dia chegar, estarás de saco às costas e pronta a caminhar...pelas estradas do Douro, pelos socalcos da uva, pela terra de muita parra e muita uva!...
beijinho da laura sentindo o sol a brilhar na alma.

Maria disse...

Laurinha querida
Eu bem digo que tenho de arranjar um cantinho, para guardar os teus poemas a mim dedicados.
Este está lindo. Obrigada minha Flor de Linho.
Já voltei. Vai devagarinho, mas já tinha formigueiros nos dedos de não escrever nada.
Beijinho, nina
Maria