terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Era uma vez a bicharada da Maria 17


A Tina Turra é uma caturra muito velhota e rezingona, que é do meu filho mais novo. Deu-lha a irmã no seu aniversário e ele adora-a. Já tem 13 anos. Gosta de assobiar e sabe muitas músicas. Desde árias clássicas à “raspa”, assobia tudo. Como berra muito alto, foi baptizada com o nome de Tina Turra, por causa da Tina Turner. Além de tudo também tinha umas belas pernas.
Foi casada com o Ike Turro, mas enviuvou. Depois disso nunca mais teve companheiro, mas acho que não lhe faz falta.
Eu gosto de a arreliar um bocadinho e ela não gosta lá muito de mim. De quem ela gosta mesmo é do Vasco. Vive na casa dele e deve pôr a cabeça em água às vizinhas.
Dizem que as caturras duram muito e eu espero que seja verdade.
Apesar de tudo gosto dela, mas acho que podia fazer menos barulho.
Até amanhã com...

6 comentários:

Anónimo disse...

É costume dizer-se que as aves são estúpidas, mas há excepções, e não o são só as aves de rapina. As caturras podem ser domesticadas, ao ponto de não terem medo dos donos, posarem na mão, etc.. Esta nunca a consegui habituar a isso, tal como o falecido Ike. Mas consigo fazer-lhe festas na cabeça, desde que de fora da gaiola, respondendo-me esta com turrinhas e bicadinhas nos dedos.
Conseguiu ainda decorar uma séries de barulhos, desde pedaços de músicas, até ao carro do ferro de velho. Mais: quando entro em casa pia de uma forma diferente, como se me estivesse a cumprimentar!

Bicadinhas da Caturra e do Corvo.

carla mar disse...

Querida, Maria:)

Adorei, a Senhora Tina Turra!
E saber, que põe a cabeça em água ás vizinhas... amei :)
Quando, a Tina, pensar em passar férias e (des)animar, outras, vizinhas... o Estoril, acolhe-a :)

Beijinhos, daqui... para aí!

Anónimo disse...

Meu Corvo:
Eu até gosto dela e acho piada aos ruídos que ela imita. Só não gosto é dos gritos dela.
Diz-lhe que lhe mando dizer que ela é uma velha doida e rabujenta. Eu sei que ela detesta.
Beijinhos para ti e uma festinha para ela
Mãe

Anónimo disse...

Carla:
Ao fim de meia hora tinhas a cabeça em água. A D. Turra berra mesmo.
Beijinhos para os 4
Maria

Anónimo disse...

É bem bonita a Tina Turra.
Há um colga meu quem tem caturras domesticadas, andam fora da gaiola e pousam nos donos. Fizeram criação!
Quanto a quem chama estúpidos aos animais... bem normalmente essas pessoas não conhecem bem os animais ou então são eles que não são muito inteligentes!
João

Anónimo disse...

Filho:
Esta Turra faz-me falta. Mas já me habituei a outras coisas que me fazem falta.
Ela está bem e feliz e isso é o que mais me interessa.
Se tudo o que me faz falta, estiver bem, eu resigno-me.
Ela está bem.
Bom Natal para vocês, beijinhos da
Mãe e avó.